sábado, 21 de novembro de 2009

Ela foi andando devagar, meio sem saber por onde pisar...
Subiu a ladeira, contornou a praça, pulou no meio fio.

Andando com os olhos bem abertos, tentando captar todas as imagens,
olhou as árvores e as flores coloridas, praguejando baixinho por seus olhos serem limitados..

De tão distraida, esbarrou em um moço charmoso,
de tão timida, corou.

Detestava ser tão transparente e detestava ser pega desprevinida...
Não entendeu o coração acelarado, a guagueira, as borboletas no estômago,
não gostou de se sentir tão vulnerável.

Isso tudo durou menos do que o desejado,
o moço charmoso olhou e viu aquilo como um simples incidente, pediu desculpas e saiu.

Ela confessa ter ficado meio pertubada, mas também um pouco aliviada...
e foi assim que tudo mudou.


ps: meio bestinha, mas queria atualizar :)
ps2: já terminei toda a série de crepúsculo, ainnn ainnn x)
ps3: aulas quaseee acabando :D


x* namastê *x

2 comentários:

Gabriela Awbooc. disse...

Aaaah! Não! Conta logo como foi que mudou, Lubs! Mudou só dentro dela ou a conjuntura social inteira?! HAHAHAHA! Histórias fofas me deixam curiosa pra saber se é verdade ou não.

Gostastes de Crepúsculo? Vais assistir Lua Nova?!
;*

Gabriela Awbooc. disse...

Não mataria não. Apesar de achar a história tosca e mal-escrita, eu acabei me identificando. E li Lua Nova justo quando meu ex-namorado foi transferido pra o RJ, então eu devo ter chorado a cada dois capítulos lidos. HAHAHAHAHA³

O texto acaba sendo meio bobo mesmo, não era nada demais. Só tenho que parar com a mania de me achar alguém ruim.

Beijo, Lubs!
Beijo,